Select Page
Dificuldade Para Dizer Não?

Dificuldade Para Dizer Não?

Elimine Dificuldades De Dizer “Não” E Descubra Formas Adequadas

4 Passos Simples Para Definir Limites Saudáveis, Mantendo Sua Autoestima

Muitas pessoas têm dificuldades em dizer não. Com esses 4 passos você desenvolve habilidade de dizer “não” e ao final deixo um presente pra você, que com técnicas e profunda autoanálise que ajudarão você.

“Nós mudamos nosso comportamento quando a dor de permanecer, torna-se maior do que a dor de mudar. Conseqüências nos dão a dor que nos motiva a mudar”.

Quando não estabelecemos limites, permitimos que uma situação se torne mais dolorosa do que precisa ser. Definir limites pode ser difícil, mas não configurá-los é muito mais, a longo prazo. A falta de limites, pode causar ressentimento e encorajar os outros a “se aproveitarem” de nossa boa natureza.

Quando Estabelecemos Limites Saudáveis, Praticamos Autorrespeito, Autocuidado E Autenticidade

Nós melhoramos as nossas relações com aqueles que nos rodeiam, definindo nossas regras básicas e definir as expectativas com um senso de justiça e clareza.

Infelizmente, os limites geralmente são definidos somente depois de termos sido levados demais. Ficamos bravos e ressentidos. O relacionamento provavelmente já se deteriorou além do reparo. Quanto mais cedo conhecemos nossos limites, menos probabilidades de serem violados. Aprender a estabelecer uma fronteira firme no início, geralmente pode salvar a vida de um relacionamento.

É Assim Que Os Limites Saudáveis ​​Parecem:

  • “Não estou bem com você gritando comigo. Eu discutirei isso quando pudermos conversar calma e respeitosamente “.
  • “Não posso trabalhar horas extras neste fim de semana. Como não estava no cronograma, programei outros compromissos.”
  • “Eu posso te dar uma carona para casa, mas eu preciso sair às sete. Se você for mais tarde do que eu vou ter que sair sem você.”
  • “Seu amigo tem um problema com drogas, e não estou com vontade de estar ao lado dele. Por favor, não o convide novamente para nossa casa”;
  • “Eu tenho feito muito mais do que minha parte justa das tarefas domésticas. De agora em diante, só estou lavando meus próprios pratos. Espero que você lave o seu próprio. “

Aprender a Estabelecer Limites Como Estes Pode Ser Difícil. Veja Como Fazê-Lo Em Quatro Etapas Simples:

1. Identifique Suas Necessidades

Aproveite o tempo para refletir sobre suas necessidades emocionais e identificar o impacto desejado do seu limite. Você deve ter um objetivo claro em mente – por exemplo, sentir-se mais seguro, ser tratado de forma justa, respeitosa ou se relacionar de forma mais positiva.

O que aconteceu isso fez você perceber a necessidade de uma fronteira saudável? Como você se sentiu? Você tem uma boa razão para definir este limite, ou você está procurando uma maneira de punir alguém no calor do momento? Como, especificamente, você precisa de coisas para mudar no futuro? Como isso afetará sua vida? Seu relacionamento? Seu parceiro? A definição deste limite é justa e razoável para todos os envolvidos?

2. Defina Seu Limite

Seja tão claro e específico quanto possível. Um limite precisa ser concreto e facilmente compreendido para ser aplicado de forma eficaz. Por exemplo, ao invés de pedir ao seu marido para ajudar mais com o trabalho doméstico, você pode pedir que ele assumir a responsabilidade de varrer o chão ou fazer a louça. Anexe uma conseqüência a que o limite esteja quebrado, então seu ente querido sabe o que esperar. Seus entes queridos querem respeitar seus limites. Não entender como fazê-lo pode deixá-los confusos, frustrados e incompetentes. Defina seus limites no lado mais firme – é muito mais fácil aliviar um limite estrito do que apertar um solto.

3. Torne O Seu Limite Conhecido

Seja firme, mas permaneça tão calmo e amável quanto possível. Trate a outra pessoa com respeito. Lembre-se, você está pedindo sua cooperação. Quanto mais cortesia e respeito você mostra, mais provável é que você o receba. No entanto, há uma diferença entre ser educado e ser um obstáculo. Mesmo que você o comunique com respeito, seu limite deve permanecer firme. Não se desculpe por configurá-lo. Não explique excessivamente. Você não precisa justificar sua decisão. Comunique seu novo limite clara e rapidamente, para evitar confusão. Evite colocar sobre si, a culpa pessoal dessa decisão e reforçar o fato de você valorizar essa relação. Apenas seja leve, simples e autêntico.

4. Mantenha Seu Limite

Algumas pessoas vão tentar testar seus novos limites violando-os no início. Não permita que isso desmorone. Se você fizer isso, você está quebrando esse limite e enfraquecendo os próximos, que você pode tentar definir no futuro. Mantenha seu limite cumprindo as conseqüências que você estabeleceu originalmente. Se você prometeu remover um certo privilégio, faça isso de imediato. Se você disse que sairia, agora é sua responsabilidade

seguir. É por isso que é importante estabelecer conseqüências realistas antes que o limite seja violado. Se você não tem nada para estabelecer ou impor, então seu limite não tem pernas ou estruturas, para se manter e é provável que eles se desintegrem.

“Quando não conseguimos estabelecer fronteiras e responsabilizar as pessoas, nos sentimos usados, maltratados e desrespeitados. É por isso que às vezes atacamos quem são (o que é muito mais doloroso do que abordar um comportamento ou uma escolha)”. Definir fronteiras pode parecer difícil, mas fazer isso é necessário para manter um relacionamento saudável.

Sua ação (ou reação) à essa leitura AGORA, é pensar, neste momento, quais limites você precisa definir em sua vida. Afinal, seus interlocutores, saberão como lidar com você e te respeitar.

Crie e seja a melhor versão de você mesmo, para sua felicidade e dos outros, também.

Cadastre-se e você receberá em brevegrátis técnicas e reflexões para dizer "não"

Crenças E As Faces do Medo Que Detonam Você

Crenças E As Faces do Medo Que Detonam Você

Como Os Medos Detonam Seus Resultados

Aprenda como evitar que o medo te acabe de vez com seu sucesso, em qualquer área da sua vida.

Você Conhecerá Os Principais Tipos de Medo E Aprenderá Como Lidar Com Eles

Você ficará de queixo caído, quando eu revelar uma pequena coisa que me aterrorizava e uma outra gigante, que eu “tiraria de letra”.

Crenças Negativas e o Medo

medo é uma sensação que proporciona estado de alerta, uma forma instintiva de autoproteção, autopreservação. Não há nada de mal nisso, é claro – parte do instinto de sobrevivência… – ok, é uma verdade… mas não é somente isso.

Existem faces diferentes do medo, que são positivas e negativas (ao mesmo tempo). Quando afirmo isso, normalmente meus clientes e amigos, me fazem algumas perguntas como essas:

Stofel, mas quando o medo é positivo e quando é negativo ao mesmo tempo?

Quando o medo é um problema e como lidar com ele? É possível vencê-lo ou eliminá-lo de vez?

Então eu explico, que o medo é causado pela sensação, perspectiva ou identificação da possibilidade de uma ameaça física ou psicológica.

É claro que o medo é um grande aliado de todos os seres humanos (de animais irracionais, também). Porém, para muitos casos, o medo também se torna um vilão interno, que todos nós devemos respeitar e controlar.

Quando é para preservar a vida – excelente – é a essência de sua função, ok!

Agora, quando o medo, se torna psicológico, muitas vezes inconsciente – reduzindo sua capacidade de pensar, de refletir claramente, tomar decisões, de agir, de seguir em frente e de ter resultados que você deseja – então é preciso desenvolver recursos, que ajudem você.

Atualmente (século XXI), na era do conhecimento, da internet e evolução/desenvolvimento a pleno vapor, milhares de pessoas, têm sofrido com a depressão, ansiedade, receios.

Aumentam a cada ano, números de suicídio, inclusive entre jovens, que vivem realidades. Sem entrarmos no mérito, o medo do futuro, insegurança causada também pelo medo, são duas, de tantas variáveis.

medo possui níveis e graus diferentes. Na forma mais leve, é chamado de ansiedade, em outros casos, receio; e, na forma potencializada, é chamado Pânico ou pavor. Nesse último caso, a pessoa perde o controle de sua paz e tranquilidade.

Me permita introduzir uma questão que pode turbinar sua autoconfiança e coragem.

É que eu preparei um material, que ficou bem legal, pra te ajudar a descobrir alguns de seus medos e multiplicar o desenvolvimento de sua coragem.

Descubra como romper a “autoproteção” provocada pelo medo e como avançar, com segurança, para a conquista de grandes resultados em qualquer área da sua vida.

Você conhecerá alguns pontos positivos e negativos relacionados ao medo e como dominá-lo, para seu benefício.

Entenderá a relação com as crenças negativas, evitando que o medo detone sua vida, silenciosamente, sem que você perceba.

Surpreenda-se, baixando gratuitamente, nosso e-book.

“Crenças E As Faces do Medo Que Detonam Você”

Ele é parte 2/3, de um pacote de conteúdo, chamado “Os 3 Poderes Que Impedem o Seu Êxito e Sucesso“.

Já baixou o conteúdo 1/3, chamado “As Crenças e a Zona de Conforto – O Bem, Que Vira Tragédia”? você pode baixar gratuitamente, clique aqui.

Materiais serão liberados à partir de 01/01/2018grátis teste faces do medo

Crenças e a Zona de Conforto

Crenças e a Zona de Conforto

ZONA DE CONFORTO

Entenda Por Que A Zona de Conforto, Pode Acabar Com Sua Felicidade E A Relação Com As Crenças

Veja Como A Zona de Conforto Pode Ser Positiva, Ou Negativa Ao Mesmo Tempo

crenças e a zona de conforto.

O Que É Zona De Conforto?

Antes, permita-me te presentear. No final desse post, eu deixo um teste pra você descobrir se a seu estado na zona de conforto é destruidor.

Existem aspectos desejáveis e indesejáveis em relação à zona de conforto, que vamos entender agora:

zona de conforto é, em essência, um estado, um lugar, um ambiente, ou uma sensação, que nos permite descansar, relaxar, ter paz, tranquilidade, segurança, alívio e outras sensações agradáveis.

Além de ser um estado em que você pode recuperar energia e alegria; pode também reajustar e transformar. É um ambiente no qual você pode repor suas forças: hora de afiar o machado.

Pode ser também um alicerce, base e início para a resiliência, que é o momento de se recriar, de se ressignificar, de se reajustar, e se remodelar.

Não há problema em ter ou estar em uma zona de conforto. Aliás, é importante para autopreservação e autoproteção.

O grande problema, é quando você estaciona e finca seus pés nela, porque nesse ambiente, normalmente relaxamos e você entenderá por que é extremamente temerário esse conforto.

Enfim, a zona de conforto, pode ser consciente e bem utilizada ou inconsciente e destrutiva.

Quando a Zona de Conforto é Positiva

A zona de conforto é positiva, em momentos e algumas áreas da vida, especialmente quando suas crenças são positivas.

Estar na zona de conforto, permite avaliar o percurso e a direção, além de eliminar o “perigo“, pela iminência ou pelo advento do medo.

Muitas pessoas têm medo de elas mesmas darem errado, medo de possíveis consequências indesejáveis, enfim medo de muitas outras coisas.

Na área do desenvolvimento pessoal, ela é positiva quando você tem os elementos abaixo, para sair dela:

  • consciência da zona de conforto;
  • agenda clara contemplando a zona de conforto (descanso ou reposição de energias);
  • prazo definido (curto).

Como a vida é cíclica, como ela está em movimento e como tem muitas variáveis, então é necessário continuar se desenvolvendo, melhorando, seguindo, agindo, especialmente se você tem objetivos a alcançar.

O caminho para os objetivos têm de ser conscientes, senão haverá a perda de rumo, sem perceber.

Quando a Zona de Conforto é Negativa

zona de conforto | relação entre zona de conforto, crenças e sucesso

zona de conforto é negativa, quando você NÃO tem um prazo para sair dela. Quando você relaxa e se acomoda em relação à evolução de sua vida.

É negativa também, quando dificulta, limita ou bloqueia seu avanço, crescimento, desenvolvimento etc.

Como a vida é movimento, quem não evolui, regride; quem não cresce diminui e quem não aprende, perde o conhecimento adquirido.

Relação Entre Zona de Conforto e Crenças

Quando as crenças motivam sua entrada e permanência na sua zona de conforto, dificilmente você estará consciente de ter um prazo para sair dela.

Quando as crenças impulsionam você a esse estado, você tem gatilhos de autoproteção e autopreservação trabalhando fortemente em você, para você:

  • “não se ferir”;
  • “não passar vergonha”;
  • “não correr riscos”;
  • “não pagar mico”;
  • evitar o vexame;
  • evitar a dor;
  • evitar o sofrimento;
  • evitar as críticas;

Como Evitar a Permanência Constante na Zona de Conforto Indesejada

Em primeiro lugar, você precisa ter consciência sobre sua realidade. Precisa estar presente e analítico sobre o seu momento.

Quando se está consciente, você reflete sobre o processo que o levou a essa posição de conforto.

Para evitar a limitação de suas ações e ampliar sua zona de conforto, em primeiro lugar, você precisa rever suas crenças limitantes que o prendem lá.

Suas crenças limitantes, que o mantêm na zona de conforto, podem ser alguns dos eventos abaixo:

  • Achar-se feio;
  • Achar-se com sorriso feio;
  • Achar-se incompetente;
  • Achar-se incapaz;
  • Achar-se menor que outros players do mercado;
  • Focar em possíveis dificuldades;
  • Focar em possíveis problemas;
  • Focar em possíveis obstáculos;
  • Eu tenho preguiça para….;
  • Se sentir tímido para….;
  • Se sentir inseguro para …..;
  • Medo de se expor;
  • Medo do sucesso;
  • Medo do fracasso ou insucesso;

Nesse aspecto, a zona de conforto é prejudicial, evitando que você desempenhe seu melhor papel, impedindo-o de atingir seus melhores resultados.

Mas aí você pergunta, mas como eu posso evitar isso? Com técnicas que aplicamos

EM BREVE
grátis teste zona de conforto
 Grátis Teste Zona de Conforto

Escreve pra gente, do Poder das Crenças e fale como o conteúdo e exercício acima, te ajudaram.

Você percebeu necessidade de algum conteúdo sobre o tema ou algum esclarecimento?

Sua dúvida ou pergunta, pode ser assunto de um novo tema.

Crenças | O Que São Crenças

Crenças | O Que São Crenças

O Que São Crenças

Compreendendo claramente, o que são crenças, você pode transformar sua vida

O que a Neurociência tem a dizer sobre crenças

crenças fortalecedoras

Para entendermos o que são crenças, é importante considerar que a vida de cada pessoa é peculiar.

Não é nenhuma novidade afirmar que todos nós queremos ser felizes. Porém, para ser feliz, é preciso ter crenças que promovam a felicidade.

Veja abaixo uma das formas mais claras e simples que consegui definir, sobre o que são crenças:

“Crenças, é o conjunto de ideias, conceitos, princípios, conclusões e valores na vida consolidados individualmente. É a visão a respeito do mundo e de si mesmo, consolidada por cada pessoa.”

Como você deve saber, cada pessoa tem uma opinião (ou sendo formada) sobre cada coisa, de acordo com sua história de vida.

Sua ideia sobre as coisas, refletem seus conceitos, valores e princípios.

 

Exemplo De Uma Crença Em Relação A Dinheiro

Se um grupo de pessoas ouve uma frase como: “- Dinheiro não dá em árvores!”, o que você imagina que a maioria responderia? E você, o que responderia?

A resposta inicialmente pode parecer louca, mas a resposta é: “depende”.

Em um dos meus Seminários: de “Inteligência Transformadora”, no módulo eu falo de sabotadores mentais, que também impactam terrivelmente, todas as pessoas,

Eu falo sobre esse tema e ensino pessoas a mudarem suas percepções a respeito e transformarem suas percepções sobre várias áreas.

Nele, eu ajudo pessoas a saírem da vida comum, mediana e como resultado, elevarem seus resultados para uma realização, alegria e sucesso!

Logicamente, você sabe que dinheiro não aparece em árvores, no entanto, metaforicamente, você pode compreender que é possível, bastando apenas boa vontade e passos com paciência:

  • plantar uma semente;
  • cultivá-la;
  • dar atenção;
  • ter foco e cuidado;
  • ter carinho

…e depois quando ela se tornar uma “árvore”, você verá o dinheiro “dando em árvore”.

Isso quer dizer, que dinheiro dá em árvore? Depende do ponto de vista, de sua crença ou sua composição de ideias.

Tudo é uma questão de percepção, de visão, de conexão de ideias e a forma de pensar.

Eu conheço algumas pessoas que vêem dinheiro dando na árvore que cultivaram durante anos.

Claro, que isso é uma metáfora, que exemplifica pessoas que construíram empresas ou negócios, que têm dinheiro dando em árvore.

O Que São Crenças Que Limitam

A ideia contrária à “dinheiro não dá em árvore”, é um exemplo de crença limitante.

Existem muitas, mas muitas crenças limitantes.

Você pode ver aqui neste blog, diversas crenças limitantes, com as quais você pode estar convivendo há anos.

Essas crenças limitantes, estão impedindo ou dificultando sua evolução, êxito, sucesso, felicidade e realização na vida.

As crenças têm sido encaradas como o principal elemento (conjunto delas) que decide a vida das pessoas.

A crenças têm sido compreendidas pela Neurociência e isso é fundamental para ter uma vida consciente.

A Neurociência, tem atestado que através do autoconhecimento, compreendemos algumas respostas para:

  • Quem é você;
  • Qual seu papel neste mundo;
  • Como será o seu futuro;
  • O que e como é o mundo;
  • O que são, como são e como se relacionar com as outras pessoas;
  • De onde você veio para onde você vai (nessa realidade terrena).

 

Cuide de Suas Crenças

Leia até o final, e depois volte no link a seguir para você entender melhor, o que são crenças.

Cuide de suas próprias crenças, senão elas decidirão sua vida, mesmo que você não as reconheça conscientemente.

Sem entender o que elas são, o que fazem, como se formam e suas conseqüências, você pode viver ou estar vivendo uma realidade indesejada.

Sua vida pode estar repleta de acontecimentos inadequados, conhecendo ou não, entendendo ou não, estando ou não consciente.

Todos nós somos dirigidos por elas.

Podemos perceber seus efeitos nocivos ou benéficos em nossas vidas.

Se nos conscientizarmos sobre como as crenças se formam, o que limitam e como expandir nossas possibilidades, seremos vitoriosos.

Entendendo O Que São Crenças

As crenças têm o poder de arruinar a vida de todas as pessoas. Elas possuem capacidade de elevar ou derrubar a vida de qualquer um.

Nosso conjunto de conceitos, se formam num período da vida, quando você não tem consciência de como ela é, quando seu cérebro busca entender sobre sua existência.

As crenças se formam também para você definir, compreender, e decidir sua vida e também conhecer sobre a existência de tudo no mundo.

Elas se desenvolvem num processo individual, pessoal, interno, mental e emocional. Sua formação é intensificada na relação coletiva, onde você não domina suas emoções.

Uma dica muito importante, é parar agora mesmo e repensar sobre sua vida; analisar quem você é, o que você é, o que você representa neste mundo e se você tem seguido seus planos.

Nosso conjunto de crenças refletem diretamente em nossas ações e resultados. Avalie como estão seus pensamentos. Para receber informações transformadoras, cadastre-se clicando abaixo:

poder das crenças | cadastre-se grátis em nossa lista vip

O Que São Crenças Limitantes?

O Que São Crenças Limitantes?

Descubra, o que são crenças limitantes e como desenvolver um antídoto contra elas!

crenças limitantes | o que são crenças limitantes

Crenças Limitantes

Crenças limitantes, são entendimentos, conceitos, conclusões a respeito de si mesmo e do exterior, que impedem ou dificultam a decisão e ação, para realização e conquista de boa qualidade de vida

Em suma, as crenças limitantes, são produzidas por nós mesmos. Impomos sobre nós uma subvalorização que nos impede, dificulta ou limita nossos avanços.

O que são crenças limitantes?, essa é uma pergunta super comum, que sempre ouço nos atendimentos de Coaching e inclusive é tema de alguns de nossos seminários.

As crenças limitantes, são temidas pelos seres humanos; para aqueles que compreendem o que elas são. Principalmente, quando as reconhecem em seu dia a dia.

O que as crenças limitantes fazem?

Interrompem o crescimento, o desenvolvimento e o sucesso em muitas áreas, de muitas pessoas.

Agora que você chegou nesta página, é possível que você já tenha lido o post “O Que São Crenças“, sob o ponto de vista do desenvolvimento evolução humanos.

Se você ainda não leu, recomendo que você o faça, antes de seguir neste artigo, pois lhe dará uma visão mais profunda sobre as crenças limitantes, tema deste post.

Caso você não possa seguir no tema “O Que São Crenças”, darei uma breve ideia:

Quando falamos de crenças, sob o prisma da evolução e desenvolvimento pessoal, não estamos falando de crenças religiosas.

Ao falarmos de crenças, consideramos nossa cosmo-visão, conceitos, princípios, valores, experiências etc.

As conclusões que todas as pessoas têm em suas mentes, a respeito de tudo na vida e no mundo, formam suas crenças, as quais tratamos aqui.

Os conceitos e conclusões que determinam seus pensamentos, sentimentos, decisões e seus destinos, são chamados de crenças.

Elas norteiam seu agir (ou não) e como consequência, seus resultados.

Crenças, são o conjunto de conceitos, conclusões e ideias, em relação a si próprio e ao mundo, que se tornam forças positivas ou negativas, que determinam nossas ações (ou nossa inércia), que geram os resultados em nossa vida e, como consequência, sentenciam nosso destino.


Entendendo O Que São Crenças Limitantes

crenças limitantes

As crenças limitantes, podem se tornar uma rede de ideias, um sistema, conceitos, princípios, conclusões e valores em forma de buraco, para onde a vida de muitas pessoas está seguindo.

Como vimos que o conjunto delas, se transforma em forças, que determinam seu destino, imagine como as crenças negativas são nocivas à sua felicidade em geral.

A atuação de crenças limitantes em nossas ações, proporcionarão resultados, por consequência, limitados, finitos, reduzidos, de baixa importância, indesejados.

As crenças limitantes, afetam:

  • nossa alegria;
  • nossas promoções;
  • nossa saúde;
  • nossos pensamentos;
  • nossa felicidade;
  • nossos relacionamentos;
  • nosso êxito, sucesso e realização;
  • nossas conquistas;
  • nosso ser, nosso agir e o nosso ter.

As crenças limitantes são demonstradas, através de:

  • o que comunicamos;
  • o que pensamos;
  • o que sentimos;
  • o que somos;
  • nossa autoimagem;
  • nossa autoestima;
  • nosso grau de autoconfiança;
  • nosso grau de desenvolvimento;
  • nosso grau de êxito na vida;
  • nosso grau de sucesso na vida;
  • nossa grau de realização na vida;

E muito mais.

Tudo isso, naturalmente, em escala negativa. Eu imagino que você não queira ter atitudes e resultados negativos. Mas acredite, milhares de pessoas se sabotam inconscientemente com essas crenças limitantes.

Por isso, logo abaixo, eu deixo um link para você seguir para desenvolver um antídoto contra as crenças negativas.

Em nossa formação como especialistas em crenças, pude consolidar muito conhecimento da neurociência sobre inteligência positiva, inteligência emocional, inteligência cognitivas e de outras.

Eu tenho uma boa notícia, e uma má notícia. A boa notícia, é que é fácil reverter as crenças limitantes. A má notícia, é que o difícil, é descobrir a crença raiz da limitação ou negatividade. Os estudos de várias áreas da psicologia, ajudaram nisso e a reprogramação neuro-linguística resolve isso rapidamente.

 

Muito Além Das Crenças Limitantes

Não se desespere, porque existe uma forma de lidar positivamente com suas crenças. É como desenvolver um “antídoto”, um “remédio”, uma “injeção” para combater as crenças impeditivas.

A esse antídoto, chamamos de crenças expansionistas, ou como um gosto mais,. Esse é um termo mais comumente utilizado. No entanto eu prefiro um outro conceito, que falo em um e-book, que estou criando.

Cadastre-se para receber esse ebook, que está quase “saindo do forno”, clicando aqui.

As crenças limitantes, como indicado na introdução, podem destruir a vida de uma pessoa.

Como está claro no próprio nome, elas limitam, impedem, atrapalham, interrompem a expansão do sucesso, felicidade e a qualidade de vida de cada pessoa.

Clique aqui e conheça como desenvolver o antídoto contra as crenças limitantes

Compreenda também:

O que são crenças?                  Como as crenças se formam?                   O que são crenças expansionistas?

O Que São Crenças Fortalecedoras

O Que São Crenças Fortalecedoras

Descubra, o que são crenças fortalecedoras e desenvolva um antídoto contra as crenças limitantes

o que são crenças fortalecedoras

Crenças Fortalecedoras

As Crenças Fortalecedoras, São Percepções e Visões A Respeito de Si Mesmo, Que Ajuda A Pessoa a Ser e Fazer Coisas Eficazmente e Ter Melhor Qualidade de Vida.

“O que são crenças fortalecedoras”, é uma pergunta extremamente comum que ouço no dia a dia, como Coach.

Você já deve ter ouvido falar sobre crenças determinantes do sucesso ou e as crenças determinantes da vida limitada, na vida de todas as pessoa…

As crenças fortalecedoras, são extremamente importantes para todos os seres humanos. No entanto, normalmente, elas são mais difíceis de se consolidar, visto que há uma propensão muito maior para as crenças negativas dominarem.

As crenças negativas, traiçoeiras ou derrotistas, influenciam mais, porque sofremos muitos impactos dessas crenças em nossas relações humanas. Especialmente, dependendo dos grupos com os quais nos relacionamos.

Estas crenças negativas, são muitas vezes desconhecidas, conscientemente. Porém, temidas pelas pessoas, por seu estrago lento e silencioso, causado pelas crenças, que chamamos de limitantes.

No entanto, as crenças fortalecedoras nos ajudam a minimizar seu poder e o efeito dessas forças negativas.

Eu prefiro classificar essas crenças positivas, de outras duas formas ou termos que acredito serem mais relevantes, que são crenças impulsionadoras e crenças expansionistas. Porque elas trazem o sentido real do que as crenças positivas realizam na vida de quem as tem.

Você já deve ter lido o que são crenças, sob o ponto de vista do desenvolvimento evolução humanos.

Se você ainda não leu, recomendo que você o veja, antes seguir neste post, pois dará a você uma visão mais profunda sobre este tema, de crenças expansionistas.

Quando falamos de crenças, não estamos considerando as crenças religiosas, mas tudo o que conhecemos, pensamos, sentimos, conceituamos, como ideias, princípios, valores.

Chamamos de crenças, a tudo o que está na mente de todas as pessoas, similar ao software nos computadores, smatphones, tablets e afins.

Esses entendimentos e princípios, são conclusões que todas as pessoas têm, que determinam seus pensamentos, sentimentos, comportamentos, decisões, ações e seus destinos.

Acreditando ou não, na existência das crenças, certamente elas devem estar destruindo, aos poucos, sua vida.

Já baixou nosso ebook, o poder das crenças? Clique na imagem/banner abaixo. Esse material, é valioso para seu autoconhecimento e pra você se posicionar melhor consigo mesmo.

Entendendo O Que São Crenças Fortalecedoras

As crenças fortalecedoras ou expansionistas, refletem muito quem somos, o que somos, nossa autoimagem, autoestima, nosso grau de autoconfiança, de desenvolvimento, êxito e sucesso em elevado nível da escala positiva.

As crenças fortalecedoras, são forças opostas às que crenças que limitam. Portanto, as crenças expansionistas, nos lançam para frente e para o alto, no sentido do desenvolvimento, crescimento, conquistas e sucesso em várias áreas de nossa vida.

As crenças expansionistas, além de nos condicionarem positivamente, elas também:

  1. Melhoram nossa autoimagem;
  2. Aumentam nossa autoestima;
  3. Nos fortalecem a visão positiva;
  4. Nos abrem a visão de amplitude, grandeza e utilização de nossas principais capacidades e habilidades para o sucesso;
  5. Abre nossa mente para perceber que nossa vida, felicidade e êxito dependem apenas de cada um de nós;
  6. Estruturam nossa mente e a prepara para promover a química hormonal, necessária para agir e vencer.
  7. Dentre outras facilitações.

Aprofundamento Sobre As Crenças Fortalecedoras

Este é um “antídoto”, um “remédio”, uma “injeção” para combater as crenças limitantes.

As crenças limitantes, como indicado na introdução, podem destruir a vida de uma pessoa ou limitar sua felicidade e sucesso. Será que se alguma pessoa tivesse consciência plena, permitiria que isso acontecesse? E você deixaria?

Como está claro no próprio nome, elas limitam, impedem, atrapalham, dificultam, barram a expansão do sucesso, felicidade e a qualidade de vida de cada pessoa.

Clique aqui e conheça como construir crenças fortalecedoras – o antídoto contra crenças limitantes, que impedem sua felicidade e sucesso em qualquer área da sua vida.

Pular para a barra de ferramentas